Posts Tagged ‘seriados’

Sex and The City 2

dezembro 11, 2009

Parem tudo! saiu o poster do filme Sex and The City 2. Vai ter todo o elenco e mais uma porrada de gente talentosa (ou não) e muita muita muita roupa linda de viver e sapatos chiquetérrimos.

Conselho básico para minha querida Carie Bradshow: Gata, vê se não fica com frescura e acaba usando o mesmo vestido que outra pessoa na estréia do teu filme ok? xoxo

Hoje tem pão de caixa!

outubro 22, 2009

Rá! Para quem não sabe, o sarcastônico agora tem podcast também! o super-hiper-mega-power-flower-master-blaster delicioso de se ver e ouvir Pão de Caixa! Seu podcast preferido sobre seriados!

E o que você está esperando para ver? o que você está esperando para baixar e ouvir? corre logo antes que acabe! semana que vem tem mais.

http://www.4shared.com/file/142574539/e9fe58f8/Po_de_caixa.html

P.S.: Dê sua sua opinião sobre o Pão de Caixa! assim poderemos melhorá-lo a cada dia! ;]

A revolução das “novelas” Orientais

maio 24, 2009
Dorama

Dorama

Depois dos animes saírem do Japão e ganharem o mundo, agora chegou a vez dos Doramas que é basicamente a definição generalizada do gênero novela oriental, seja ela J-Drama (Drama Japonês), K-Drama (Drama Koreano) e C-Drama (Drama Chinês).

Alguns, a primeira vista, irão se encher de pedras na mão e partir com mil e um preconceitos contra as “novelas” orientais, afinal são novelas como as brasileiras, certo? ERRADO! O estilo oriental de novela é completamente diferente, com um roteiro beirando mais para um mangá/anime shoujo do que para o estilo de novela ocidental. A segunda grande diferença está no número de episódios, beirando sempre a média de treze a no máximo vinte e seis em sua grande maioria.

No entanto, o ponto mais forte que difere os J-Dramas das novelas propriamente ditas é a questão do enquadramento do psicológico do personagem, que se torna muitas vezes o próprio cenário da trama, o modo de pensar e como agir durante a vida reflete inteiramente na história, não se trata apenas em ter um corpo bonito, mas sim como se tornar uma pessoa melhor e o mais feliz possível.

As mais diversas histórias de J-Drama seguem em comum com esse padrão, enxergar a felicidade nas pequenas coisas, como ganhar um simples bolinho de arroz e sorrir profundamente.

No Japão essas histórias são montadas para pessoas de todas as idades, mas o interessante mesmo, é que os doramas estão cativando os jovens fora da terrinha do sol nascente e está impressionando até mesmo o governo nipônico, que agora está montando uma forte campanha não somente com anime e mangá mas também com suas novelas orientais.

É visivelmente mais fácil mostrar boa parte da cultura e do dia a dia do Japão através de imagens reais de ruas e dos costumes, do que com desenhos.

Apesar das diferenças, anime e J-drama tem muito em comum já que muitos dramas japoneses nasceram através dos grandes sucessos dos desenhos orientais.

Dentre eles podemos citar “Koizora”, “Cyborg Girl” , “Honey Clover”, “Zettai Kareshi”,”Hana Yori Dango” e muito mais. As novelas possuem algumas diferenças nas histórias, sempre alguns fatos e acontecimentos são modificados para que o enredo fique o mais aceitável possível na realidade das produtoras, porém o ritmo se mantém o mesmo e a parte central do que se caracteriza cada anime permanece inalterado nos J-dramas.

Os J-Dramas tendem a crescer cada vez mais não somente no Japão, mas a expectativa do governo japonês é que em breve possam bater de frente com séries grandes dos Estados Unidos e se tornarem uma referência não apenas ao público ligado na cultura japonesa, mas acessível a todos que queiram apreciar as belas histórias que os dramas japoneses tem a oferecer.

Por Nathália Nóbrega